Os Benefícios das Boas Práticas de Fabricação para seu negócio

Um dos grandes problemas enfrentados por estabelecimentos de pequeno e médio porte que mexem com alimentos é a regularização e controle de seus produtos. Muitas vezes, tais problemas acabam sendo motivos para a interdição do local. As normas pré-estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) foram feitas para que a manipulação, higienização e controle do produto sejam feitas para que o mesmo chegue ao cliente sem riscos de contaminação. Caso tais normas não sejam obedecidas a empresa pode receber multas ou até mesmo ser fechada. Para evitar isso, algumas medidas podem ser tomadas, conhecidas como Boas Práticas de Fabricação (BPF).
1-Normas essenciais:
A ANVISA estabelece normas de segurança desde o recebimento da matéria-prima, armazenamento, higienização e preparo do produto para que não ocorram problemas ao consumidor final. Para não ocasionar problemas a sua empresa, a legislação deve ser seguida. Evita-se assim riscos de contaminação e proliferação de microrganismos nocivos e indesejados em seus produtos.
2-Padrão transmite Confiança

A falta de padronização pode ocasionar na perda de clientes, já que este encontrará um produto diferente em relação ao que tenha consumido anteriormente. É importante que haja um documento explicando detalhadamente os passos necessários para chegar ao produto final adequado, mantendo um padrão na entrega de produtos, pois isso gera credibilidade.
3-Cuide de seus funcionários, para que eles cuidem de seus clientes

Outro fator que afeta a padronização é um corpo de contratados sem treinamento ou sem experiência para manipular a matéria-prima. O funcionário pode se esquecer de alguma etapa na higienização ou na parte do preparo e com isso, o produto sai de maneira diferente da usual. É crucial que a empresa invista em treinamento aos funcionários, que ficarão mais acostumados ao que deve ser feito em todas as etapas, quais utensílios utilizar, as vestimentas adequadas, como se comportar perante a um cliente ou a um fornecedor e as consequências de agir dessas maneiras. Além disso, é importante manter um acompanhamento da sua equipe para ver se as técnicas e procedimentos ensinados a eles estão sendo seguidas e também o impacto dessas mudanças em seu negócio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *