O impacto das boas práticas na indústria alimentícia

Boas Práticas de Fabricação (BPF) são uma exigência legal regulamentada pela legislação brasileira, que reúne atividades, princípios e regras a fim de assegurar as condições sanitárias básicas dos estabelecimentos envolvidos em toda a cadeia produtiva da indústria alimentícia.
O manual foi elaborado a partir das orientações do CODEX ALIMENTARIUS, regulamento estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), todos os estabelecimentos do ramo devem se adequar às normas redigidas na RDC 216 que referem a BPF, o não comprimento dessas pode gerar multas e até mesmo o fechamento do estabelecimento.
Em linhas gerais, o manual discorre sobre as instalações físicas, equipamentos, controle de vetores e pragas urbanas, manejo de resíduos, armazenamento, preparo de alimentos, abastecimento / uso de água e documentação do processo como um todo.

Impactos

Ao aplicar as boas práticas, o estabelecimento entra em conformidade com a legislação vigente e ganha alguns diferenciais competitivos, são esses: qualidade dos produtos, diminuição de perdas e desperdícios e facilidade de adaptação de novos funcionários.

  • Qualidade dos produtos

Resulta da produção completamente padronizada, neste cenário, os alimentos fabricados terão a melhor qualidade que os ingredientes e processos podem oferecer.

  • Diminuição de perdas e desperdícios

Advém do fator citado acima e das melhorias que serão implementadas durante a implementação das BPF, desse modo, a chance de ocorrerem erros durante a produção são reduzidas. Ademais, com o armazenamento correto dos ingredientes, o desperdício de insumos será também menor, além de tornar os processos mais rápidos e eficientes.

  • Adaptação de novos funcionários

Está atrelada a documentação prevista no manual, com as informações e orientações bem estruturadas o ajuste será mais rápido.
Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre o assunto?

Entre em contato com a gente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *